Criador de ‘Riverdale’ prevê uma ‘Jornada Mais Sombria’ para a 2ª temporada

A primeira temporada de “Riverdale” viu assassinatos, suicídios e tiroteios – e o criador do show, Roberto Aguirre-Sacasa, promete que a 2ª temporada ficará mais sombria.

Enquanto o quebra-cabeça central da série seguindo quem matou Jason Blossom (Trevor Stines) foi resolvido na 1ª Temporada, os eventos do episódio final criaram novas questões – especificamente, quem está por trás do tiroteio de Fred Andrews (Luke Perry). Mas Aguirre-Sacasa diz que a parte mais importante desse evento não é necessariamente “quem”, mas sim os efeitos da tragédia nos personagens principais.

“Vai ser um clima menos assassinato-mistério nesta temporada, mas um tipo de show mais suspense thriller”, Aguirre-Sacasa diz a Variety.

Aguirre-Sacasa conversou com a Variety antes da estreia da 2ª temporada sobre a mudança da dinâmica do elenco, o futuro de Betty e Jughead e como o futuro de Fred impactará Archie.

Quão mais sombria a 2ª temporada vai ficar?

Para a maioria dos personagens as apostas realmente serão a vida e a morte. Archie [KJ Apa] é um ótimo barômetro para todo o show. Por causa do que aconteceu com Fred no episódio final – porque ele viu seu pai ser baleado no Pop’s – ele está em uma jornada mais sombria. Ele está no coração da série e é a bússola moral do show de uma maneira estranha. Pelo fato de Archie estar em uma jornada mais sombria, a série em si também está em uma jornada mais sombria.

Como Archie está lidando com seu pai sendo baleado?

Uma das conexões mais fortes que ele tem em sua vida é com seu pai, então, quando isso é ameaçado, ele passa por uma ampla variedade de emoções e ações. Mesmo na estreia, KJ dá uma atuação de grande esforço. Ele passa por raiva, tristeza e negação. O que acontece de uma forma realmente grande e poderosa é que ele se volta para seus amigos para apoiá-lo e seus amigos estão lá para apoiá-lo, especialmente Veronica [Camila Mendes], que realmente progride e o ajuda através das dificuldades. Não é apenas na estreia, a primeira metade da temporada é realmente a determinação de Archie para entender o que aconteceu com Fred e se vingar da pessoa que fez isso.

Qual o futuro de Jughead (Cole Sprouse) com as Serpentes do Sul?

No fim do episódio final, as Serpentes deram a Jughead uma jaqueta, e ele a colocou. Sentiu-se definitivamente como algum tipo de regresso ao lar, ou como um pedaço que estava faltando em Jughead que tenha sido inserido. Penso que é seguro dizer que você não se junta a uma gangue apenas colocando uma jaqueta e Jughead, que é um estranho e um solitário, por natureza, está lutando entre se juntar ou não. Ele ama seu pai, que é uma Serpente. Seu pai está com muitos problemas, as Serpentes causaram muitos problemas, e ele está preocupado que ele possa não aprovar essa escolha. Ele está debatendo sobre isso na estreia, mas também é parte de sua história principal na temporada.

Vai ter um impacto na relação dele com Betty (Lili Reinhart)?

Vai testá-la. Betty é a quintessencial garota comum, e sua mãe desaprova as Serpentes, é claro. Jughead está indo para uma escola diferente e explorando o que pareceria ser uma amizade com as Serpentes e talvez se juntar às Serpentes. Isso vai criar uma distância natural entre ele e Betty porque ele está indo em uma jornada que ela não está. Isso vai desafiá-los.

Jughead se transferindo de escola vai afetar a dinâmica dos quatro?

Sim, com certeza. No começo ele não quer se comprometer ou investir na outra escola, ele está tentando manter seus amigos em Riverdale High. À medida que a temporada avança, começamos a explorar seu papel cada vez mais em Southside High, e nós começamos a conhecer pessoas que começam como rivais e inimigos e depois se tornam amigas. Alguns personagens se aproximam bastante de Jughead.

Como isso mudará a estrutura do show?

Vai ser semelhante à 1ª temporada. Há um grande mistério – quem atirou em Fred e o porquê, e todos estão envolvidos nisso. Os personagens estão um pouco separados com Jughead em outra escola, mas os outros estão todos juntos. Então, todos terão suas jornadas pessoais e teremos um mistério central, mas haverá, como sempre, histórias episódicas, histórias pessoais e histórias de relacionamentos. Tão sombrio quanto possível, e ficará sombrio, sempre haverá elementos de diversão. Tudo isso continuará.

A morte de Jason ainda está afetando Cheryl (Madelaine Petsch)?

A morte de Jason definitivamente não é algo que acabou. Ela está lidando com a recente revelação de que seu pai era o assassino, e o fato de que agora é só ela e sua mãe. Ela nunca terminou de lidar com a morte de Jason, certamente não no episódio final quando ela tentou se afogar no rio. Agora ela tem que lidar com o fato de que seu pai era um assassino e depois cometeu suicídio. Ela é alguém que agora está sozinha com sua mãe, e elas nunca tiveram um relacionamento particularmente saudável, divertido e solidário.

Qual a determinação dela nesta temporada?

Ela está tentando reconstituir sua vida. Jason era seu melhor amigo, e ela está tentando estabelecer amizades reais com as pessoas. Nós vamos ver isso, especialmente com Josie [Ashleigh Murray].

Podemos esperar a participação especial de grandes estrelas?

Estamos apresentando um ex-namorado da Veronica, Nick St. Clair [Graham Phillips], que vem para Riverdale. Originalmente, ele iria estar em um episódio, mas nós o amamos tanto que ele vai ficar e voltar também.

Fonte © Tradução/Adaptação: Jessyka CarvalhoRiverdale Brasil – Não reproduza sem os créditos.

A segunda temporada de ‘Riverdale’ estreia em 11 de outubro às 21h40 na Warner Channel.

Fiquem ligados aqui no Riverdale Brasil e em nossas redes sociais no TwitterFacebookInstagram e no YouTube para ficar por dentro de tudo que rola no universo de Riverdale.

Arquivado em:

COMENTÁRIOS DO POST

error: Caso queira algum dos nossos textos, envie um e-mail!